A eficiência de giro e estoque

O giro de estoque nada mais é do que o parâmetro de estocagem e movimentação do estoque. Determina o controle do volume de entradas e saídas e os custos que podem acarretar, participa desde prazos até a margem de segurança necessária. Os cálculos de giro de estoque auxiliam na identificação do número de vezes por ano que ocorre o giro de mercadorias e o tempo médio que os itens ficam parados.

Duas marcas operacionais são importantes para gestão do capital de giro e que determinam a eficiência do giro de estoque: o tempo de reposição da mercadoria (necessidade, pedido e entrega) e a embalagem mínima exigida pelo fornecedor para aquisição, o lote econômico. Existem princípios variáveis e fundamentos de controle do estoque, que são:  Consumo médio mensal (CMM), Estoque mínimo (EM), Estoque máximo (EMAX), Lote econômico (LE), Prazo de entrega e Custo do estoque.

Por fim, os dados baseados no controle do giro de estoque, servem para avaliar a saúde financeira do negócio e administrar melhor as mercadorias da empresa de acordo com a frequência das vendas. Também favorece uma gestão mais eficaz, com foco na redução de custos e no aumento da lucratividade.

 

Arthur de Almeida Costa

Gerente de Expansão Governamental

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *